Noticias Sul da Bahia

Prefeitura e Biosanear lançam campanha para recolhimento de materiais volumosos em locais inapropriados em Itabuna

 

A população que precisa descartar materiais como eletrodomésticos e móveis usados ou velhos deve fazer um agendamento para que sejam recolhidos pela Biosanear. A empresa, responsável pela coleta domiciliar de lixo em Itabuna, em conjunto com o Departamento de Limpeza Pública da Secretaria de Infraestrutura e Urbanismo lançou uma campanha com este objetivo.

A ação visa reduzir o descarte de matérias em pontos impróprios, dar destinação correta a esses resíduos e manter a cidade limpa. Além disso, frear o hábito negativo da comunidade em descartar geladeiras, fogões, sofás e móveis na porta de casa e dos vizinhos, esquinas e terrenos baldios.

O descarte de resíduos sólidos em locais inadequados tem efeitos nocivos a toda a sociedade, polui a cidade, é um vetor para transmissão de doenças e gera custos pesados para a máquina pública. Segundo a secretária de Infraestrutura e Urbanismo, Sônia Fontes, os volumosos têm uma destinação diferente daquela do lixo orgânico.

“O caminhão que faz a coleta domiciliar do lixo orgânico diariamente não pode retirar estes materiais pesados. Para isso, seria preciso transporte e mão de obra específicos o que é muito custoso para o município e para o contribuinte, pois é quem paga esses serviços através dos impostos. Se gastarmos em limpeza urbana deixamos de investir em tapa-buracos”, afirmou Sônia Fontes.

A titular da SIURB falou que esses lixos resultantes de volumosos são caros e podem render recursos. Ela lembrou que Itabuna já tem um programa de coleta em vários pontos, mas que não é o tipo de lixo que as pessoas têm descartado. “Queremos melhorar o sistema de coleta e limpeza com o auxílio de um contato específico”, disse.

A secretária Sônia Fontes deu como exemplo os canais, riachos, ribeirões e rios que geralmente são locais onde as pessoas jogam lixo e entulhos, o que torna a situação ainda mais caótica em períodos chuvosos, inclusive com extravasamento.

“A limpeza é feita e uma semana depois já está tudo cheio de lixo novamente. A população tem que colaborar com a limpeza da cidade, porque não há como fazer limpeza todos os dias nos 36 canais”, ponderou Sônia Fontes.

O agendamento para que o material seja retirado deve ser feito pelo telefone: (73) 99854 5780. O despejo de móveis e eletrodomésticos em vias públicas pode resultar no pagamento de uma multa de acordo com o Código de Posturas do Município.

 

 

Legenda: Prefeitura e Biosanear lançam campanha para recolhimento de materiais volumosos em locais inapropriados em Itabuna – Fotos arquivo


Source link

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo