Noticias Brasil

MG registra temperatura mais alta do país e morte durante temporal no sul do estado

São Romão e outras quatro cidades em Minas Gerais registraram temperaturas acima dos 41°C; em Cássia, um pedreiro morreu com a queda de uma estrutura.

A cidade de São Romão, a 499 km de Belo Horizonte, no norte mineiro, registrou a temperatura mais alta do país durante o feriado de 15 de novembro, com termômetros marcando 43,4°C. Na quinta-feira (16), a máxima registrada na cidade foi de 41,5°C.

O estado tem previsão de 41ºC para esta sexta-feira (17). De acordo com a Climatempo, o sol aparece forte e ocorrem pancadas de chuva com raios à tarde e à noite. A chuva pode ser moderada a forte em pequenas áreas e com curta duração.

Cinco das 10 cidades com as máximas mais altas na última quarta-feira estão em Minas Gerais. O estado é uma das áreas com alerta vermelho, de grande perigo, para onda de calor.

O ar seco conta com níveis alarmantes de umidade, entre 21% e 30% no centro, norte e leste de Minas Gerais – o que inclui Vale do Rio Doce e do Vale do Jequitinhonha –, sul, centro e norte da Bahia, centro-leste do Piauí, interior do Ceará, Sertão do Nordeste

Em Unaí, a máxima registrada foi de 42,6°C. Arinos, Nova Porteirinha e Araçuaí registraram máximas de 42,1°C, 41, 4°C e 41,2°C, respectivamente.

Apesar das altas temperaturas, as regiões Sul e Sudeste de Minas também estão sob alerta amarelo, de perigo potencial, para tempestades válido até esta sexta-feira (17).

Também no final da tarde de quarta-feira foi registrada a 1ª morte em razão das chuvas no estado. O acidente aconteceu no trecho da rodovia MG-44 que passa por Cássia, cidade da região Sul mineira, a 392 km de Belo Horizonte.

O pedreiro Welerson dos Santos, de 59 anos, morreu depois que a estrutura do barracão onde trabalhava se soltou e caiu.

De acordo com A Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), a estrutura foi arrancada durante uma chuva acompanhada de um vendaval.

As cidades de Guaxupé, Santa Rita das Caldas, Juiz de Fora e São João Del Rey também registraram alagamentos, quedas de árvores e outros danos por conta das chuvas.

Segundo o Sistema de Meteorologia e Recursos Hídricos de Minas Gerais (Simge), a onda de calor mantém as temperaturas elevadas e baixos índices de umidade relativa do ar, principalmente durante as tardes, em todas as regiões do estado.

O céu deve permanecer parcialmente nublado na faixa leste dos Vales do Rio Doce, Mucuri e Jequitinhonha, com o desenvolvimento de nuvens com risco de tempestades severas, associadas a fortes rajadas de vento em áreas do Sul, Triângulo, Oeste, sul da Central Mineira, centro/sul da Metropolitana de Belo Horizonte, Campo das Vertentes e Zona da Mata.


Source link

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo