Noticias Brasil

Flamengo: Filipe Luís revela bastidores de soco na cara de Pedro

Após uma temporada decepcionante do Flamengo, sem nenhum título conquistado, o ex-lateral-esquerdo Filipe Luís, aposentado depois do fim do Campeonato Brasileiro, revelou os bastidores de um dos episódios mais polêmicos do futebol nacional: o soco no rosto do atacante Pedro, em um jogo na Arena Independência, em Belo Horizonte.

Em entrevista ao Charla Podcast, o ex-jogador relembrou o ocorrido e contou como foi a reação de seus ex-companheiros de clube. O soco no rosto do centroavante foi desferido por Pablo Fernández, preparador físico que integrava a equipe de Jorge Sampaoli, ex-técnico do Flamengo.

“Eu estava a dois metros. Ninguém acreditou naquilo. Ninguém acreditava no que estava acontecendo. Pedro não fez nada, só não quis aquecer. Ele [Pablo Fernández] chega e faz aquilo. O Pedro não acreditou, tanto que nem revidou. Nenhum companheiro do Flamengo foi lá para bater nele”, disse Filipe Luís.

Em seguida, o ex-jogador do Flamengo contou que o clima para a permanência do treinador argentino ficou insustentável. O argentino foi demitido após a derrota do time carioca diante do São Paulo, na final da Copa do Brasil. Àquela altura, Pablo Fernández já havia sido desligado.

“A partir daquilo, tornou-se insustentável. Porque o Pablo [Fernández] era a pessoa mais importante da comissão técnica de Jorge Sampaoli. Por mais que ele [Sampaoli] colocasse alguém de sua confiança, o ambiente não era bom. O time não progredia. O ambiente estava pesado, com uma energia negativa. Na sequência, perdemos a final [contra o São Paulo]”, concluiu o ex-jogador.

Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas


Source link

Show More

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Back to top button