Noticias Brasil

Filipino libertado pelo Hamas está “melhor do que o esperado”, diz família de ex-empregador

Um dos reféns libertados pelo Hamas na sexta-feira (24), um cidadão filipino que trabalhava como cuidador em Israel, está “melhor do que o esperado”, segundo o filho do homem de quem o filipino cuidava durante os ataques de 7 de outubro.

O pai de Avishay Ben Zvi, Amitai, foi morto no ataque do Hamas ao seu kibutz, enquanto o seu cuidador, Gelienor “Jimmy” Pacheco, foi feito refém.

Em declarações a Kaitlan Collins, da CNN, Zvi disse que seu irmão conversou com Pacheco e que ele estava bem.

“Ele estava conversando com sua esposa esta noite e foi melhor do que o esperado, eu diria”, ressaltou Zvi, referindo-se às fotos de Pacheco fazendo uma ligação por vídeo com sua esposa nas Filipinas.

“Eles vão fazer alguns exames médicos, testes emocionais e tratamento, mas, sim, muito provavelmente ele irá encontrar sua família”, continuou Zvi.

“Na verdade, foi uma surpresa, porque sabíamos que havia 13 pessoas sendo libertadas, mas eram todos israelenses, com identidade israelense”, complementou.

“Sabíamos que havia alguns caras da Tailândia [que seriam libertados]. Vimos ele nos vídeos esta manhã e depois, entre os irmãos, conversamos sobre isso, verificamos com a esposa dele depois. Então, obviamente, ficamos muito, muito felizes em vê-lo, mas foi uma surpresa para nós. Nós não sabíamos”, explicou Zvu.

Mas ele afirmou que, embora a família estivesse muito feliz com a libertação de Pacheco, há preocupação com os reféns restantes.

“É dever do país, do Estado de Israel, libertar cada um deles”, pontuou.


Source link

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo