Noticias Brasil

Desinformação tem feito “lavagem cerebral” em determinados setores, diz Moraes

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Alexandre de Moraes, disse que a desinformação nas redes sociais tem gerado “verdadeira lavagem cerebral” em alguns grupos da sociedade. A declaração foi dada nesta quarta-feira (22) durante abertura de seminário que discute o tema em Brasília.

“O grande problema da desinformação é o embaralhamento das informações. As pessoas passam a ter acesso a informações falsas da mesma maneira que informações verdadeiras. Isso acabou trazendo, pela experiência brasileira, infelizmente, uma verdadeira lavagem cerebral em determinados setores”, afirmou.

De acordo com o ministro, o uso da inteligência artificial agravou a disseminação de notícias falsas.

“Com a inteligência artificial, a veracidade de uma notícia fraudulenta acaba ganhando contornos muito mais significativos. Até você comprovar que aquilo é falso, há uma disseminação de uma ideia. E nem todos que viram a notícia fraudulenta irão assistir à segunda”, completou Moraes.

No encontro, foram debatidos os relatórios feitos por pesquisadores brasileiros e europeus sobre o assunto, fruto de um acordo de cooperação entre o TSE e a delegação da União Europeia.

A ideia é que as soluções apresentadas se transformem em regras a serem seguidas, sobretudo durante o período eleitoral.

“Temos a partir desse evento que propor teses legislativas, intepretações jurídicas, um cronograma educacional para aqueles que têm acesso às redes sociais e temos que propor limitação de inteligência artificial nas eleições”, finalizou o ministro.


Source link

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo