Noticias Brasil

Caminhões de combustível começam a entrar em Gaza pela passagem de Rafah

Pelo menos sete caminhões de combustível entraram na Faixa de Gaza a partir da passagem de fronteira de Rafah com o Egito nesta sexta-feira (24), segundo um repórter da CNN no local, depois que a trégua antecipada entre Israel e o Hamas começou a se firmar.

Caminhões que transportam ajuda também parecem ter começado a entrar em Gaza vindos da fronteira de Rafah, de acordo com um vídeo ao vivo da Reuters.

Um grande comboio de ajuda fez fila na passagem da fronteira em prontidão antes da trégua, que entrou em em vigor depois das 7h (horário local).

Veja também: Israel e Hamas iniciam trégua na guerra para passagem de reféns

O Coordenador de Atividades Governamentais nos Territórios de Israel (COGAT) disse em um comunicado que quatro caminhões-tanque de combustível e quatro que transportam gás de cozinha cruzaram para Gaza por Rafah.

“O combustível e o gás de cozinha destinam-se ao funcionamento de infraestruturas humanitárias essenciais em Gaza” e foram aprovados pelo governo israelense como parte da trégua”, acrescentou o COGAT.

Não está claro exatamente que outros tipos de ajuda foram permitidos até agora na Faixa de Gaza.

Combustíveis vindos do Egito

Cerca de 130 mil litros de diesel e quatro caminhões de gás entrarão em Gaza vindos do Egito diariamente a partir desta sexta-feira, segundo uma autoridade egípcia.

“Duzentos caminhões carregados com alimentos, remédios e água entrarão diariamente pela primeira vez desde o início da guerra israelense na faixa”, disse Diaa Rashwan, presidente do Serviço de Informação do Estado do Egito, em comunicado nesta sexta-feira.

Rashwan disse que o Egito continuará recebendo grupos de feridos de Gaza para tratamento e facilitará a evacuação de estrangeiros e cidadãos com dupla nacionalidade que ficaram presos no território.

Ele também disse que, pela primeira vez desde o início do conflito, o Egito permitiria a entrada de palestinos que desejassem entrar em Gaza através da passagem de fronteira de Rafah.

(Com informações de Eleni Giokos, no Cairo)


Source link

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo