Noticias Brasil

Caio Junqueira: Milei pragmático esquece o que disse e abraça o papa

Um imbecil que defende justiça social.”

Assim, Javier Milei, presidente da Argentina, descreveu o papa Francisco nas eleições do ano passado. O tempo, ou as conveniências, fizeram-no mudar de postura.

Javier Milei foi até o Vaticano encontrar o papa para uma longa conversa permeada de alfajores e um pedido de desculpas por grosserias passadas.

O encontro foi tratado como um grande acontecimento pelos argentinos. Francisco nunca pisou na Argentina nos dez anos de seu papado nem é afeito à troca de gentilezas com políticos de seu país.

Mais do que isso: ele é de esquerda e Milei, de direita. É o que torna o encontro desta segunda-feira (12) muito simbólico, e sugere um bom receituário para países que, como a Argentina e o Brasil, vivem uma intensa conflagração política.

Aquela regra básica da civilidade: de não considerar inimigo quem pensa diferente.

As opiniões expressas nesta publicação não refletem, necessariamente, o posicionamento da CNN ou seus funcionários.


Source link

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo