Noticias Bahia

Bombeiros militares controlam incêndio florestal na área de proteção ambiental na Serra do Barbado

Após 13 dias de combate, bombeiros militares da Bahia conseguiram controlar o incêndio florestal que atingia a área de proteção ambiental (APA), na Serra do Barbado. Neste sábado (9), as guarnições iniciaram a fase de monitoramento, fazendo uma varredura em toda a área atingida com o objetivo de extinguir possíveis novos focos.

O trabalho de combate na região contou com apoio de brigadistas voluntários, três aeronaves tipo AirTractor fornecidas através do Programa Bahia Sem Fogo, da Secretaria do Meio Ambiente (Sema); um helicóptero do Grupamento Tático Aéreo (GTA), do Governo do Estado de Pernambuco, através da Secretaria de Defesa Social; além de equipes do Graer, da Polícia Militar da Bahia (PMBA), em solo, e quatro viaturas.

Com início no dia 25 de novembro, o incêndio atingiu a área da APA que fica entre os municípios de Rio de Contas e Abaíra. O local é de extrema importância ecológica por conter várias nascentes. “Transportar essa tropa para o terreno foi uma experiência engrandecedora para nós, de Pernambuco. Contribuir de alguma forma para a preservação das plantas e animais da APA Serra do Barbado deu um sabor especial a essa missão”, afirmou o major Giovanni Matias, comandante da aeronave.

Segundo o sargento BM Adroaldo Cruz, comandante das equipes que estavam em Abaíra, “percorrer o perímetro do incêndio para atacar diretamente as chamas nessa região é muito desgastante. O apoio dos brigadistas voluntários que conhecem a área é de extrema importância. Os moradores locais da comunidade de Guarda Mor, de Abaíra, permitiram que as equipes chegassem às chamas por acessos de algumas trilhas de turismo daquela região”.

O incêndio atingiu grandes árvores e arbustos, além da vegetação rasteira, mas, nos últimos quatro dias, já não havia chamas aparentes e nem captação de focos de calor. As equipes realizaram combate de incêndio subterrâneo, que é um incêndio de difícil detecção e exige monitoramento constante das equipes, mesmo que já não haja chamas aparentes. O controle do incêndio foi realizado com ação conjunta entre a equipe de solo e os pilotos, resfriando as chamas que se desenvolviam de forma muito agressiva sentido Abaíra.

Por ser oficial bombeiro militar e nativo de Rio de Contas, foi designado o capitão BM Álvaro Serrão para comandar o incidente. “A APA Serra do Barbado tem grande importância ecológica, pois suas nascentes abastecem rios importantes como o Rio de Contas, por exemplo. Além disso, possui serras imponentes como a Serra do Barbado, que possui o ponto mais alto do norte e do nordeste brasileiro, além de rica flora e fauna”, completou o capitão.

Durante todo o evento, houve reuniões constantes com os secretários de Meio Ambiente e de Turismo de Rio de Contas para tratar de questões relacionadas à conscientização das pessoas sobre o uso do fogo. As prefeituras de Abaíra e Rio de Contas também prestaram apoio logístico para as equipes de solo.

Fonte: Ascom/CBMBA


Source link

Mostrar mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo